sexta-feira, 28 de maio de 2010

Nostalgia

Mais um post em série, que pretendo fazer falando sobre coisas que fizeram parte de minha infância e na de muita gente.

Aproveitando os 30 anos do Pac-Man, vulgo "come-come", que todo mundo, ou ao menos os nerds DEVEM ter jogado, se você não jogou, por favor, pule da janela mais próxima. Queria relembrar minha rápida passagem jogando Atari( não, não tem link, se você não sabe o que é Atari, pule também da janela).



Bons tempos em que agente realmente se divertia com pixels. Tinha que ter muita imaginação pra acreditar que aquele montinho de quadrado era o Jason e poderia arracanr sua cabeça(eu sei que era sobre o filme Halloween, e não Friday 13th, A Nightmare on Elm Street).


Até o E.T. tinha o seu jogo.



Era engraçado também os nomes que se davam aos jogos, tinha os típicos, jogodecorrida (Enduro), pegaladrão(keystone), gelinho(Frostbite) e os mais... criativos, Indiana Jones(Pitfall[!]), o sexta feira treze(Halloween[já citado]), Superman(Hero). No meio disso tudo tinha o X-man, mas... não vou postar imagens aqui, e se quiser saber mais, procure por sua conta em risco.

O mais jogado por mim, pelo pouco que lembro, foi o River Raid. Era uma dificuldade considerável, mesmo pra hoje em dia. E foi nesse jogo que a um tempo atrás, caiu o meu pensamento um pouco preconceituoso, de que, jogo antigo = jogo fácil. Não sei por que eu tinha esse pensamento... depois que joguei de novo, me surpreendi. E quando fui jogar outros jogos não tão antigos, como Metroid 1, Mega Man 2, fiquei assustado com a dificuldade, que é devidamente reconhecida.

Enfim, bons tempos em que nos divertíamos com coisas simples, e éramos mais unidos nos jogos, mesmo com toda facilidade de comunicação que temos hoje.

Um comentário:

clarissa.flor disse...

gracinhaaa
vou me jogar das vinte mais próximas pra garantir kkkkkkkkkkkkk

ótimo seu blogger.
Beijinhos, meu lindo.